imgdefault.png

No total, 322 apartamentos contarão com o gás natural para as principais atividades do dia a dia

 

 

O ano mal começou e a Compagas já registra novos contratos no segmento residencial. O setor registrou aumento no número de clientes em 2017 e em 2018 deve continuar em ascensão. Nas primeiras semanas do ano, nove empreendimentos residenciais fecharam contrato com a Companhia para uso do gás natural e somam mais 322 apartamentos que contarão com o gás natural para as principais atividades do dia a dia.

Em Curitiba estão oito empreendimentos e o último está instalado em Ponta Grossa. Na capital paranaense, no bairro Água Verde está o Condomínio Dynasty, no Bigorrilho, estão o Edifício Acapulco e o Casa Alta, no Rebouças, está o Edifício Ana Letícia, e no Juvevê, o Solar Madrid. Estes condomínios contarão com o combustível nos fogões e aquecedores dos apartamentos. Já os Condomínios Parque Ibirapuera, no Centro da capital, e Residencial Moradas do Arvoredo, instalado no Campo Comprido, contarão com o gás natural nas unidades domiciliares e também nas áreas comuns dos empreendimentos. Espaços como salão de festas, zeladorias, churrasqueiras e espaço gourmet contarão com aparelhos a gás natural.

Além destes contratos que são de edifícios habitados que passarão pelo processo de conversão do uso do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) para o uso do Gás Natural, a Compagas irá atender empreendimentos novos, cujos contratos foram firmados com os edifícios ainda em fase de obras.

Em Curitiba, está o Residencial Solatium, no bairro Portão. O empreendimento é da Construtora Damiani e contará com 38 unidades domiciliares. A entrega do novo condomínio está prevista para julho de 2020. O Palazzo Masini, da Construtora ECB, está em construção no município de Ponta Grossa, no bairro Estrela. O empreendimento contará com 58 apartamentos e a entrega está prevista para dezembro deste ano.

Todos os condomínios residenciais serão atendidos pela rede de distribuição de gás natural da Compagas e o início de fornecimento aos empreendimentos será de acordo com as obras de ligação dos empreendimentos à rede e conforme previsão em contrato.

Para saber mais informações sobre o atendimento da Compagas ao segmento residencial, acesse: http://compagas.com.br/index.php/residencial